jusbrasil.com.br
4 de Julho de 2022

Jovem preso ganha direito à liberdade, mas pede para ficar na prisão até o jantar

DR. ADEvogado, Administrador
Publicado por DR. ADEvogado
há 24 dias


Um homem de 20 anos, preso pelo roubo de um celular na madrugada do último sábado (4), surpreendeu uma juíza, um promotor de Justiça e uma defensora pública ao fazer um apelo inusitado: logo depois de receber direito à liberdade na audiência de custódia, Luan pediu para ficar na prisão até a hora do jantar, para não “passar mal na rua”. Uma publicação do promotor Luciano Sotero Santiago sobre o caso causou comoção nas redes sociais, e ao BHAZ, ele lamentou a situação e explicou o que levou à soltura do rapaz.

Luan foi preso em flagrante depois de usar uma pequena faca para fazer com que uma mulher entregasse o celular dela, em Santa Luzia, na região metropolitana de BH. A vítima acionou a Polícia Militar, que fez rastreamento na região e encontrou o rapaz com o aparelho. Ele foi preso, encaminhado à delegacia de Polícia Civil e, depois, ao presídio.

Durante o plantão na manhã de sábado, o promotor do MPMG (Ministério Público de Minas Gerais) manifestou no processo pela soltura de Luan, estabelecendo medidas cautelares para que ele responda em liberdade sem oferecer risco à população.

Fonte: bhaz.com.br


🔥SIGA NOSSO FACEBOOK DE NOTÍCIAS E HUMOR JURÍDICO

Veja também:

👍 Super Combo de Petições 2021 - Mais de 30.000 modelos de Petições Profissionais prontas e editáveis para acelerar sua produtividade!

📰 Curso Completo de Processo Civil 2021 - O melhor do Mercado!

📈 Petições Imobiliárias - Baixe 1 modelo gratuitamente!

Informações relacionadas

Rosinê Magalhães Advocacia, Advogado
Notíciashá 25 dias

Rigor excessivo no controle do uso de banheiro motiva condenação por dano moral

Enviar Soluções, Advogado
Notíciashá 24 dias

Empresa pode pedir atestado de antecedentes criminais? Que diz a CLT?

Hiromoto Advocacia, Advogado
Notíciashá 24 dias

Rol da ANS é taxativo, mas pode ser superado em casos excepcionais, diz STJ

Carlos Guilherme Pagiola , Advogado
Notíciashá 25 dias

STF Jun 22 - Nunes Marques Retroage nova Norma do Estelionato, desde que não tenha Transito em Julgado

Enviar Soluções, Advogado
Notíciashá 28 dias

CCJ aprova proposta que permite a comunicação extrajudicial de atos processuais

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)