jusbrasil.com.br
4 de Julho de 2022

Conheça 6 advogados poderosos que salvam a vida de famosos e bilionários

DR. ADEvogado, Administrador
Publicado por DR. ADEvogado
há 4 anos



Eles trabalham para pessoas famosas, mas pouca gente sabe quem eles são. Os advogados de celebridades, socialites, bilionários, políticos e afins prezam pela discrição, ao mesmo tempo em que são forças capazes de definir a vida de seus clientes, e por isso cobram milhões de dólares por cada caso. Glamurama selecionou alguns dos maiores nomes da categoria no universo do showbiz internacional, e, claro, quem são seus clientes. Confira!

Gloria Allred

A advogada Gloria Allred || Créditos: Getty Images

A americana Gloria Allred é especialista em direitos civis. Classificada como uma das melhores advogadas dos Estados Unidos pelo presidente Barack Obama, costuma atuar em casos que envolvam famosos, mas não necessariamente defendendo eles. Um exemplo é o caso no qual ela teve como cliente, há alguns anos, um ex segurança de Britney Spears, que acusou a cantora de assédio sexual. Gloria também já defendeu uma babá que trabalhou na casa do ator Rod Lowe, e que também afirmava ser vítima de assédio. Em ambas as ocasiões, as partes envolvidas chegaram a um acordo fora dos tribunais. Atualmente, ela atua na defesa das mulheres que acusam o comediante Bill Cosby de estupro, e busca para elas uma indenização de US$ 100 milhões (R$ 313,2 milhões).

Alan Dershowitz

O advogado Alan Dershowitz || Créditos: Getty Images

O jurista e advogado americano Alan Dershowitz é uma lenda nos Estados Unidos. Ele ganhou notoriedade no meio jurídico do país em 1995, quando se tornou um dos membros da banca que defendia o ator O.J. Simpson, que acabou sendo inocentado da acusação de ter matado sua ex-mulher, Nicole Brown-Simpson, e o namorado dela. Dershowitz também defendeu o playboy britânico Claus von Bülow, acusado de ter tentado matar sua mulher, a americana Sunny von Bülow, com uma overdose de insulina em 1979, o que a deixou em um estado vegetativo até 2008, quando morreu. Assim como Simpson, Bülow não foi condenado pelo suposto crime.

Martin Garbus

Martin Garbus || Créditos: Getty Images

Com uma lista de clientes que inclui Al Pacino, Robert Redford, Tom Brokaw, Sean Connery e Richard Gere, o americano Martin Garbus é considerado o advogado favorito das estrelas de Hollywood. Ele também atua em nome de grandes empresas, como os estúdios Miramax e a agência de notícias econômicas Bloomberg, além de ter representado políticos, como Nelson Mandela, e até mesmo países, como o governo de Ruanda. Especialista em direito constitucional, Garbus já livrou muitos famosos desbocados de encrencas com a justiça apelando para a Primeira Emenda da Constituição dos Estados Unidos, que garante a liberdade de expressão.

Mark Geragos

O advogado Mark Geragos || Créditos: Getty Images

O rosto do americano Mark Geragos não passa despercebido para os americanos mais antenados. Basta dizer que o cliente mais famoso dele foi o cantor Michael Jackson, que sempre enfrentou problemas com a lei e, por ser quem era, não saía do noticiário. Geragos também atuou na defesa de Winona Ryder quando a atriz foi flagrada roubando itens na loja de departamento Saks. Mais recentemente, ele defendeu Chris Brown das acusações de que o rapper teria agredido sua então namorada, a cantora Rihanna.

Allen Grubman

O advogado Allen Grubman || Créditos: Getty Images

Como um dos mais requisitados advogados do meio musical americano, Allen Grubman já trabalhou para Bruce Spingsteen, Madonna, Mariah Carey, Sean “Puffy” Combs, Elton John, U2 e Jennifer Lopez, embora sua cliente mais antiga seja a jornalista Barbara Walters. A reputação dele no meio é tamanha que há quem diga que quando algum famoso o procura é porque a pessoa atingiu o ápice do sucesso. Em 2001 ele precisou defender a própria filha, a relações públicas Lizzie Grubman, depois que ela atropelou intencionalmente uma multidão após sair de uma casa noturna nos Hamptons, e ferindo 16 pessoas. Lizzie foi condenada e passou 38 dias atrás das grades.

Marc Bonnant

O advogado Marc Bonnant || Créditos: Getty Images

O suíço Marc Bonnant atua somente no mundo dos muito ricos da Europa. Nas altas rodas do velho continente, aliás, tem quem diga que os segredos que ele guarda poderiam desencadear a Terceira Guerra Mundial. De qualquer forma, Bonnant tem uma lista de clientes ricos que inclui a socialite e bilionária brasileira Lily Safra e a mulher mais rica do mundo, Liliane Bettencourt, herdeira da L’Oréal. No escândalo Panama Papers, Bonnant também é citado como o diretor de pelo menos 176 offshores registradas pelo escritório Mossack Fonseca em paraísos fiscais. Uma dessas empresas pertence ao empresário sul-africano Khulubuse Zuma, sobrinho do presidente da África do Sul, Jacob Zuma.

*(Foto meramente ilustrativa: reprodução Internet)

(Fonte: glamurama.uol.com.br)

_________________________________________________

-> Manual Prático do NCPC - Curso Completo, Modelos de Petições, Jurisprudência + 3 Bônus!!

-> COMBO 7 EM 1 - Diversos Modelos de Petições e Teses Jurídicas - Restituição do ICMS sobre as Contas de Luz, Exclusão do ICMS da Base de Cálculo do PIS e da COFINS, Revisão da Vida e muito mais!

-> PEÇAS RECURSAIS CÍVEIS - Modelos Completos de todos os Recursos - 100% Atualizados - Melhor do Mercado!!Confira!!

Informações relacionadas

Paula Argolo
Artigoshá 7 anos

Para se inspirar: conheça o perfil dos 10 advogados mais poderosos do Brasil

Notíciashá 5 anos

Brasileira que é “melhor advogada do mundo” estudou na USP e em Harvard

Blog do Jusbrasil
Artigoshá 11 meses

Pesquisa Jurídica: tudo que você precisa saber!

DR. ADEvogado, Administrador
Notíciashá 4 anos

A grandeza de advogar: Wichai Thongtang. O advogado mais rico e poderoso do mundo!

Danielli Xavier Freitas, Advogado
Notíciashá 7 anos

Dia da Mulher: conheça Myrthes Campos, a primeira advogada do Brasil

2 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Por alto, consegui concluir uma coisa: advocacia lá é igualzinho cá. São os clientes que nos arrumam mais clientes. É assim que aos poucos a gente começa a advogar cada vez mais nas mesmas naturezas de ação e acabamos nos especializando em alguma coisa e atendendo uma clientela de perfil bem específico. Dificilmente a especialidade acadêmica irá reger nossa carreira, a menos que nossa carreira seja acadêmica (professor). No escritório e na labuta, vc fica mesmo encalacrado com os mesmos tipos de clientes a vida toda, pois uns vão indicando outros. Ou seja, eu, atuando na área previdenciária, por pura indicação da indicação da indicação da indicação, posso dar tchauzinho pra qualquer devaneio de um dia pegar uma causa trilionária de um ricaço e ficar famosa (e rica)! kkkkkkkkkkkkkkkk

Mas... Fazer o quê. Cada um tem o seu destino. O que realmente importa é ser bom no que se faz. E uma coisa é certa: só cliente satisfeito te indica a outro cliente em potencial. E cliente em potencial também te indica se tiver ouvido falar bem de você e por aí vai. Não adianta babar ovo de ninguém, pedindo amigo rico pra te indicar pro outro ricaço, ficar aparecendo em festas, investindo em roupa cara, mexendo com política de OAB, mendigando um espaço na foto do evento x, e atuando em toda sorte de "desesperus causam" para tentar alavancar a carreira. Você perde tempo e dinheiro com isso e em troca, só vem mesmo a fama: de ridículo e coitado. Pé no chão e mangas arregaçadas é o que nos faz. continuar lendo

Faltou o Johnnie Cochran..... ele que livrou o O.J. Simpson..... continuar lendo