jusbrasil.com.br
29 de Novembro de 2020

Novo calendário do auxílio emergencial: confira as datas dos pagamentos

DR. ADEvogado, Administrador
Publicado por DR. ADEvogado
há 4 meses


A Caixa Econômica Federal divulgou um novo calendário do auxílio emergencial na tentativa de organizar melhor o cronograma de pagamento do benefício.

O banco iniciou a primeira rodada de depósitos em abril, mas na época o calendário funcionava por data de aprovação do benefício. Ou seja, o trabalhador era aprovado pela Dataprev e enquadrado em grupos que recebiam o dinheiro de acordo com os lotes em datas determinadas.

Esse modelo incluiu os brasileiros que receberam o pagamento da primeira parcela em 9 de abril e que vigorou até a semana passada.

A mudança na organização dos calendários aconteceu depois da prorrogação do auxílio por mais dois meses, quando o governo anunciou que o benefício seria dividido em cinco parcelas de R$ 600. Têm direito aos valores os brasileiros aprovados, que se inscreveram no programa até 2 de julho.

Com a mudança, determinada pelo Ministério da Cidadania, os trabalhadores passam a receber as parcelas por data de aniversário em quatro ciclos.

Os dados divulgados pela Caixa nesta quarta-feira (22) mostram que já foram pagos cerca de R$ 128 bilhões para 65,3 milhões de pessoas.

Confira abaixo tudo o que você precisa saber:


Dois calendários

Com a nova organização, o trabalhador precisa estar ciente de que são dois calendários de pagamentos diferentes:

a) Bolsa Família: para beneficiários do programa social; nesse caso as datas do pagamento do auxílio coincidem com as do pagamento do Bolsa Família, de acordo com o número do NIS.

b) Restante dos trabalhadores: esse grupo inclui os inscritos no Cadastro Único que não recebem o Bolsa Família, mulheres chefes de família e inscritos no Auxílio Emergencial através do aplicativo ou do site do programa.

Em ambos os casos, os trabalhadores aprovados receberão cinco parcelas de R$ 600.


Crédito e saque

Apesar do rearranjo de formato e datas, o auxílio emergencial ainda se divide em duas etapas: primeiro, o trabalhador recebe o crédito na conta poupança digital da Caixa, criada automaticamente para todos os trabalhadores correntistas ou não do banco federal; depois, em uma segunda data, o trabalhador pode sacar ou transferir o valor.

Vale lembrar, no entanto, que para fazer uso do dinheiro o trabalhador não precisa esperar a segunda data. Com o crédito na Poupança Digital já é possível baixar o aplicativo Caixa Tem, que permite pagar boletos e contas de água, luz, telefone e fazer pagamentos usando o QR Code – também válido para correntistas ou não da Caixa.


Calendários

O Ministério da Cidadania, comandado por Onyx Lorenzoni, é a pasta que define os calendários e a Caixa é a instituição que paga os valores. Assim, ficou definido que os trabalhadores receberão os valores em cinco parcelas de R$ 600, de acordo com o mês de aniversário e o pagamento será dividido em quatro ciclos.

É importante entender que não importa qual é a parcela que o trabalhador receberá. A ideia é que todos os trabalhadores de janeiro, por exemplo, recebam suas respectivas partes, independentemente de qual for, no mesmo dia.


Por exemplo: Maria e João nasceram em janeiro. Ela aguarda a primeira parcela e ele a terceira. Ambos receberão os valores nesta quarta-feira (22), de acordo com o novo calendário. A lógica vale para todos os meses e parcelas.

Esse descompasso entre a primeira cota e a última acontece porque a Dataprev aprovou os cadastros em etapas.

Vale lembrar que, independentemente disso, todos os aprovados receberão cinco parcelas, em períodos diferentes, até 15 de dezembro de 2020.

Confira:


Ciclo 1

Ciclo 2

Ciclo 3

Ciclo 4

Os ciclos um e dois vão contemplar cerca de 46 milhões de pessoas cada; enquanto o ciclo três engloba 15 milhões e o último ciclo 6 milhões de trabalhadores. Para mais informações, clique aqui.


Bolsa Família

No caso do calendário do Bolsa Família, o processo é mais simples porque as datas são as mesmas de recebimento do benefício do programa. Para esse grupo faltam apenas duas parcelas. Veja:


Parcela 4

Parcela 5

(Por Giovanna Sutto / Fonte: www.infomoney.com.br)


📰 Veja também:

Mega Combo de Petições 2020 mais de 4.000 modelos de ALTO VALOR testadas e aprovadas, e o melhor: verdadeiramente atualizadas!

Redija com maestria todos os seus RECURSOS CÍVEIS sem esquecer de nenhum tópico importante!

Petições Imobiliárias 2020 - Baixe Gratuitamente 01 Modelo de Petição!!

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)